11 de novembro de 2016

Bico de S. Jacinto (ou Bico da Luzitânia), um dos cantinhos preferidos dos pescadores...


É o bico que separa o braço norte do braço sul do rio Mondego, uma zona de bom e fácil acesso, onde se podem praticar todas as modalidades de pesca durante todo o ano. 
Dizem que toda a zona é muito boa para pescar, destacando-se a zona do bico junto ao farol como o melhor pesqueiro, principalmente virado para o lado da lota, ou seja do lado do braço sul. 
A corrente da maré é, por vezes, muito forte no bico que separa as águas do braço norte e do braço sul. Por isso - sei isso por experiência própria - para quem navegava à vela ou a remos constituía um desafio, pelo que convinha dar um bom resguardo (navegar o mais possível junto à muralha), em especial na enchente. 
Antes das alterações ao canal de navegação do braço norte, do braço sul e da Doca do Cochim, a sua posição estava mais para montante.
Não consegui apurar de onde vem a origem do nome S. Jacinto, mas a de Bico da Lusitânia, nome porque também é conhecido, tem a ver com a proximidade da seca de bacalhau que outrora existiu mesmo ao lado, com o mesmo nome. 

Sem comentários:

Enviar um comentário